terça-feira, 9 de agosto de 2016

LISBOA: PARQUE das NAÇÕES


Caminho junto ao rio, debaixo da sombra dos pinheiros.
O calor é tremendo mas a sombra daqueles pinheiros é bem fresca.

O Silêncio é profundo ... poucas pessoas se avistam.
O rio está na maré vazia e as aves quebram o Silêncio com as suas "gritarias" e "zangas" ... o que estarão a discutir entre elas???

Ao longe sente-se o burburinho dos que preferem quebrar o calor com uns banhos salgados e uma boa exposição solar ... sente-se?



Mas ali no meio do nada, navega um pequeno Catamaran na imensidão do rio, perdido no Espaço e no Tempo.
Parece que os tripulantes escolheram para a sua pescaria, um cenário ainda mais silencioso que o meu ;) ;)